Arquivo mensal julho 2018

image_pdfimage_print

Semana do Livro Nacional evidencia a riqueza literária de Caxias do Sul

Em dois dias de encontros, editores, escritores e leitores debateram temas importantes do segmento. Troca de ideias apontou potencial local e novos rumos para o crescimento da literatura

 


A Semana do Livro Nacional de Caxias do Sul, única cidade gaúcha a realizar o evento, organizado pelo grupo cultural Guardiões do Limiar, reuniu os amantes da literatura no Alquimia do Café na noite de sexta-feira, 27 de julho, e na tarde do sábado, dia 28. A qualidade das obras apresentadas e as ideias debatidas entre os participantes deixou evidente  potencial literário caxiense.

No primeiro dia, aconteceu o “Encontro com o editor”, no qual Rafael Augusto Machado, proprietário da Editora Vírtua, falou sobre o processo de produção, publicação e distribuição de livros, bem como sobre as transformações no mercado literário nos últimos anos em razão das mudanças tecnológicas e dos hábitos de consumo dos leitores. Escritores tiraram dúvidas e relataram suas experiências de publicação, apontando os aspectos positivos deste cenário e alguns pontos que devem ser estudados com atenção por todos os envolvidos para que o mercado editorial continue forte e eficiente.

No segundo dia, a programação teve eventos que abrangeram diferentes estilos literários. A primeira atração foi o encontro sobre o tema “Poesia na era digital”, que contou com grandes poetas da literatura caxiense, como Leandro Angonese, Emely Polli e Raimundo Poty. A interação entre os escritores e leitores abordou dificuldades em vender e obter reconhecimento ao trabalho poético, bem como apontou alternativas para alcançar estes objetivos. Em todos os momentos, ficou evidente a qualidade do trabalho dos poetas locais, que têm grandes obras lançadas.

O mesmo potencial pôde ser observado no evento seguinte, que teve como tema “Literatura Fantástica”. Os palestrantes Greice Martinelli, Juliano Fantin e Gulherme Bianchin Camargo demonstraram grande conhecimento sobre o gênero, falaram sobre suas obras e proporcionaram importantes conhecimentos aos participantes.

Fechando a programação, a segunda edição do Encontro de Diálogos Vírtua, promovido pela Editora Vírtua, abordou o tema “O polêmico na literatura”, com a participação de Claudia Hackbart e Vanderlei Francisco Silva. A experiência de ambos autores em abordar assuntos polêmicos em suas obras e as experiências que ambos vivenciaram em decorrência do grande sucesso de seus livros junto aos seus públicos despertou o interesse dos participantes, que promoveram um caloroso debate acerca da importância de debater, nos livros, assuntos que mexam com o senso crítico dos leitores e os motivem a saírem da zona de conforto e questionarem a realidade em que vivemos.

Confira alguns momentos da 6ª Semana do Livro Nacional de Caxias do Sul

Semana do Livro Nacional de Caxias do Sul

Encontro com o editor: Rafael Augusto Machado, da Vírtua, conversa com escritores. FOTO: Eloisa Martins / Editora Vírtua

Semana do Livro Nacional de Caxias do Sul

Literatura fantástica: momento de descontração, Claudia Hackbart e Juliano Fantin mostram o livro “Jornada em Corellà”, de Juliano. FOTO: Rafael Augusto Machado / Editora Vírtua

Semana do Livro nacional de Caxias do Sul

Escritora Greice Martinelli fala sobre literatura fantástica. FOTO: Rafael Augusto Machado / Editora Vírtua

Semana do Livro Nacional de Caxias do Sul

Juliano Fantin expõe seus conhecimentos sobre o fantástico na literatura.

Semana do Livro Nacional de Caxias do Sdul

Poeta Leandro Angonese acompanha atentamente os debates. FOTO: Rafael Augusto Machado / Editora Vírtua

Semana do Livro Nacional de Caxias do Sul

Encontro de diálogos Vírtua: Vanderlei Francisco Silva [com o microfone] e Claudia Hackbart falaram sobre a abordagem de assuntos polêmicos em suas obras. FOTO: Léo Hackbart / Divulgação

IMG 20180728 170834 - Semana do Livro Nacional evidencia a riqueza literária de Caxias do Sul

Debate sobre questões polêmicas foi um dos pontos altos do evento. FOTO: Léo Hackbart / Divulgação

 

Vírtua e Zum firmam parceria

Editora Vírtua e Zum Livraria e Distribuidora, de Santa Cruz do Sul (RS), atuarão em conjunto em feiras de livros e desenvolverão ações conjuntas de vendas e divulgação


Atuar de forma a proporcionar o crescimento de outros agentes atuantes no mercado literário sempre foi um dos pilares da filosofia de atuação da Editora Vírtua, de Caxias do Sul (RS), comandada pelo jornalista Rafael Augusto Machado. Baseada nisso, a marca manteve-se sempre atenta a novas possibilidades de parcerias, de forma a poder oferecer seus diferenciais a futuros parceiros e, em contrapartida, também usufruir dos pontos fortes de outras empresas. Assim nasceu a parceria entre a Vírtua e a Zum, livraria e distribuidora com sede em Santa Cruz do Sul (RS), comandada pelo ilustrador e editor Gilberto Kipper, integrante da Academia de Letras de Santa Cruz do Sul.

A parceria entre as duas marcas será colocada em prática na primeira semana de agosto, quando a Zum comercializará livros editados e publicados pela Vírtua nas feiras do livro de Alegrete (RS) e Lajeado (RS). O auge do novo momento ocorrerá na Feira do Livro de Santa Cruz do Sul, que ocorrerá a partir do dia 30 de agosto. Na ocasião, a Zum, além de comercializar os livros da Vírtua, receberá os autores da marca que estarão realizando lançamentos e sessões de autógrafos no evento: Leandro Angonese, André Fortunato e Vanderlei Francisco Silva. Desde o primeiro momento da parceria, a Vírtua fica responsável pela divulgação e todas as estratégias de marketing digital da marca, além de auxiliar na comercialização de livros vendidos e editados pela Zum em feiras de livros e pontos de venda em que ela, Vírtua, estiver presente sem a presença da Zum. Assim, onde uma empresa estiver a outra estará também, e ambos crescem. Além disso, o público leitor ganha com o acesso a novas opções de produtos e serviços, que passarão a ser oferecidos em novos locais e eventos.

zum - Vírtua e Zum firmam parceria

Gilberto Kipper junto a pequenos leitores dos produtos Zum

rafael e1532553116148 - Vírtua e Zum firmam parceria

Rafael Augusto Machado, proprietário da Editora Vírtua, criador das estratégias de comunicação da parceria

Leandro Angonese levará poesia à Feira do Livro de Vacaria

Poeta, que já publicou nove livros, comandará um bate papo sobre poesia com estudantes, professores e escritores locais durante o evento


Atender a uma demanda da qual a comunidade vacariense está carente. Assim podemos caracterizar a missão de Leandro Angonese na 37 ª edição da Feira do Livro de Vacaria, nos Campos de Cima da Serra Gaúcha. No dia 19 de outubro, às 16h, ele conversará com os leitores locais sobre poesia. Segundo funcionárias da Secretaria de Educação da cidade, a iniciativa vem de encontro a uma lacuna que há alguns anos deixava os amantes da literatura na região com a sensação de que algo estava faltando no maior evento literário local. Frente a este cenário, a ideia de Angonese dividir sua experiência com o público foi muito bem recebida pelos organizadores, que disponibilizarão para o evento uma sala com capacidade para 40 pessoas, anexa ao Mercado Público de Vacaria, que sedia o evento.

Com nove livros publicados, sendo os dois últimos (“Inquietudes” e “Ella”) pela Vírtua, Angonese é um dos principais nomes da poesia no cenário literário gaúcho, caracterizando-se por um estilo forte e marcante de escrever, seja qual for o tema de sua inspiração. A expectativa é de casa cheia para acompanhar o evento, que além de grande divulgação por parte da Editora Vírtua terá amplo destaque no trabalho de convite, por parte da organização, ao público local. A Secretaria de Educação de Vacaria afirma que visitará escolas para convidar alunos e professores para o bate papo com Angonese, além de divulgar a ideia junto a escritores locais.

 

vacaria leandro - Leandro Angonese levará poesia à Feira do Livro de Vacaria

Flyer de divulgação do evento em mídias digitais. Arte: Editora Vírtua.

Semana do livro nacional movimenta a literatura caxiense

Encontros entre escritores, editores e leitores locais marcam o último final de semana de julho


Com uma programação que destacará o potencial da literatura de Caxias do Sul e região, a sexta edição da Semana do Livro Nacional, organizada pelo grupo Guardiões do Limiar, oferecerá aos amantes da leitura uma programação rica em conteúdo, proporcionando a troca de conhecimentos entre os participantes e o crescimento conjunto de todos os envolvidos. Os eventos acontecerão no Alquimia do Café, no bairro São Pelegrino.
A programação começará na sexta-feira, dia 27 de julho, às 19h, com a palestra “Como publicar seu livro”. Na ocasião, Rafael Augusto Machado, proprietário da Editora Vírtua, falará sobre as possibilidades de publicação para os autores e como elas e o mercado mudaram rapidamente nos últimos anos. Formado em Jornalismo, Rafael tem 19 anos de experiência como designer gráfico e 5 anos como professor de Língua Portuguesa, tendo editado e revisado quase 80 livros.
No sábado, a partir das 14h, a programação reserva opções para diferentes gostos. A partir das 14h, a escritora e poetisa Emely Polli, que já tem três livros lançados, comanda um bate papo sobre o tema “Poesia na era digital”, com os colegas Leandro Angonese, que tem 9 livros lançados; Lipy Vieira, que prepara seu segundo livro e o poeta nordestino radicado em Caxias do Sul, Raimundo Poty.
Às 15h30 será a vez de falar sobre literatura Fantástica com três jovens e experientes escritores do gênero: Greice Martinelli, JC Fantin e Guilherme Bianchin Camargo. Marcante por seus elementos textuais e paratextuais marcantes, o gênero tem nas obras destes escritores alguns livros que se destacam na literatura local.
Por falar em destaques locais, dois grandes escritores encerrarão a tarde de atividades do dia 28 de julho. Na segunda edição do Encontro de Diálogos, evento da Editora Vírtua, Vanderlei Francisco Silva e Claudia Hackbart falarão sobre temas polêmicos e a forma como os abordam em seus livros. As últimas obras dos dois autores Vírtua, “Quando o destino sorri pra você”, de Claudia, e “A república dos inocentes”, de Vanderlei, inserem-se com perfeição nesta temática e são um prato cheio para quem gosta de livros que provocam questionamentos nos leitores.

Confira abaixo as artes de divulgação do evento criadas pela Editora Vírtua.

19072018 evento01 - Semana do livro nacional movimenta a literatura caxiense

semana emely - Semana do livro nacional movimenta a literatura caxiense

semana greicy - Semana do livro nacional movimenta a literatura caxiense

 

Feira do Livro de Vacaria terá palestras e oficina com autores Vírtua

Antonio Flavio Teixeira e André Fortunato realizarão eventos direcionados ao público infantil, e livros editados e distribuídos pela Vírtua serão vendidos no evento


Principal cidade dos Campos de Cima da Serra Gaúcha, Vacaria passa a integrar o roteiro de cidades que integram as ações de ampliação da atuação da Editora Vírtua, que participará pela primeira vez da Feira do Livro da cidade. A edição deste ano ocorrerá entre os dias 16 e 21 de outubro, e contará com diversas atrações culturais.

Entre estes eventos está a palestra de Antonio Flavio Teixeira, que recentemente lançou, pela Vírtua, o livro “Kay, a coruja restaurativa”, que aborda a importância de vivermos em harmonia para um bem-estar social permanente, respeitando as diferenças e necessidades de cada um. Na ocasião, Teixeira vai abordar também as histórias de seus outros dois livros: “Muli, o tatu voador” e “Muli e os três desejos”. O objetivo é destacar às crianças a importância de valores morais para a formação delas como cidadãos. As palestras ocorrerão no dia 18 de outubro, às 14h, e no dia 19 de outubro, às 9h.

Outra atração será a oficina de desenho de André Fortunato, que recentemente lançou o livro “O grande vazio”, e também abordará os livros “Abelhas” e “Bullying não é brincadeira”, todos lançados com o apoio da Vírtua. De forma divertida e interativa, André abordará temas de interesse da garotada, relacionando-os com o seu cotidiano e incentivando-os a representar o mundo infantil em desenhos. A oficina ainda não tem dia e horário definidos, o que deve ocorrer nos próximos dias.

A Vírtua está entrando em contato com livrarias da cidade para fechar parceria para a comercialização de seus livros durante o evento e, após a feira, a parceria será mantida para que as obras dos autores da marca estejam sempre junto aos leitores da região.

Vírtua participará da 31ª Feira do Livro de Santa Cruz do Sul

Escritores Leandro Angonese, André Fortunato e Vanderlei Francisco Silva apresentarão seus novos livros aos leitores da região

 


Integrando as ações de seu plano de expansão, a Vírtua confirou nesta sexta, 17 de julho, sua participação na 31ª Feira do Livro de Santa Cruz do Sul (RS), que ocorre na Praça Getúlio Vargas, no coração da cidade, entre os dias 31 de agosto e 9 de setembro de 2018. A editora comercializará todos os títulos por ela editados e distribuídos em uma parceria com uma livraria local, cujo nome deve ser divulgado nos próximos dias, e que após o evento manter-se-á parceira comercial da Vírtua na cidade do Vale do Rio Pardo.

Além de comercializar seus livros, a marca terá três sessões de autógrafos na feira. No dia 1 de setembro, sábado, às 14h, o poeta Leandro Angonese autografará o livro “Ella”. No domingo, 2 de setembro, é a vez de André Fortunato apresentar seu livro “O grande vazio” ao público local. No domingo seguinte, dia 9 de setembro, Vanderlei Francisco Silva autografará o polêmico livro “A república dos inocentes”.

Santa Cruz do Sul é uma das principais cidades da região central do Rio Grande do Sul, com cerca de 150 mil habitantes e grande importância econômica. Em 2017, a Feira do Livro da cidade recebeu um público estimado em 22 mil pessoas, tendo registrado a venda de 18 mil livros.

21767542 1271059066356657 1679199019 n 600x338 - Vírtua participará da 31ª Feira do Livro de Santa Cruz do Sul

Estandes da feira em 2017. Foto: organização

LANÇAMENTOS E SESSÕES DE AUTÓGRAFOS DE LIVROS DA EDITORA VÍRTUA

NA FEIRA DO LIVRO DE SANTA CRUZ DO SUL 2018

01/09, 14h: “Ella”, de Leandro Angonese

02/09, 14h: “O grande vazio”, de André Fortunato

09/09, 14h: “A república dos inocentes”, de Vanderlei Francisco Silva

Jussára C Godinho é a vencedora do Prêmio Lila Ripoll de Poesia

Evento, em sua 13ª edição, divulgará gratuitamente os textos vencedores na Feira do Livro de Porto Alegre                      


Ainda maravilhada com o feito, Jussára concedeu entrevista ao Vírtua Blog via whatsapp, na manhã de quinta-feira, 19 de julho, alguns dias após o anúncio do resultado da premiação. A conquista chega em um momento em que ela comemora o sucesso de suas obras já lançadas e planeja novos rumos para seu trabalho literário. “Meus projetos sempre foram muito simples e dentro do meu cotidiano normal de vida. Continuo escrevendo e sonhando publicar o que escrevo. Eu gosto de escrever e escrevo de tudo: poemas, trovas literárias, contos, minicontos, crônicas…”, disse a poetisa. Com algumas mudanças no campo profissional, a literatura ganhará ainda mais espaço no seu dia a dia. “Meu sonho é escrever literatura infantojuvenil. Agora, aposentada em um turno de trabalho em sala de aula, vou ter um tempo a mais pra me dedicar a isso”, projeta.

Foi com a poesia “Pois é, Drummond, os tempos mudaram”, que ela se destacou no prêmio organizado pela Assembleia Legislativa Gaúcha. O próximo passo será a ida à capital gaúcha para receber a premiação, que ocorrerá no dia 15 de agosto no Solar da câmara, e será precedida de um sarau especial. As poesias vencedoras serão publicadas e distribuídas gratuitamente na Feira do Livro de Porto Alegre deste ano, entre os dias 1º e 18 de novembro.

O Prêmio Lila Ripoll de Poesia foi instituído em 2004 pela Assembleia Legislativa para estimular a criação artística por meio da poesia dedicada às causas sociais e questões de gênero e dar visibilidade a novos talentos literários.